Operação Tamoio III da PRF resulta em prejuízo de R$ 25 milhões para quadrilhas no RS

Ofensiva ocorreu entre os dias 18 e 26, em diversos pontos do Estado

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) divulgou o balanço da Operação Tamoio III, que ocorreu entre os dias 18 a 26, no Rio Grande do Sul.

A ação contou com mais de 400 policiais atuando no Estado, incluindo agentes do serviço de inteligência e de grupos especializados.

Foram empregados cães farejadores, uma aeronave policial e agentes com treinamento especializado no combate ao tráfico de drogas e armas.

Ela se diferenciou das operações Tamoio I e II por ocorrer de forma multimodal.

No Rio Grande do Sul, as atividades foram realizadas nas rodovias do estado e também nos terminais do Porto de Rio Grande.

Durante o período da operação, os agentes da PRF retiraram de circulação 1,4 tonelada de maconha, quase 400 quilos de cocaína e 240 mil maços de cigarros.

Foram recuperados 20 veículos roubados e/ou adulterados e presos 121 criminosos, sendo 34 por tráfico de drogas.

Ainda, quase 225 mil dólares e um milhão de reais sem comprovação de origem foram apreendidos.

Tamoio

O nome Tamoio vem do Tupi Guarani TAMUÍA, que significa o avô, o antepassado.

A Confederação dos Tamoios foi uma aliança de tribos indígenas firmada com o objetivo de combater os portugueses e outras tribos que os apoiavam.

A referência é em relação à aliança dos grupos especializados da PRF unidos nessa operação.

Fonte: Diário da Manhã