Caminhão-pipa abastece propriedades rurais há pelo menos 1 mês em Ronda Alta

Sem água, a única forma de manter a produção é com o abastecimento, realizado com caminhão-pipa:

Tanto a agricultura, quanto o setor pecuário, têm enfrentado sérios problemas motivados pela estiagem.

Segundo o Escritório da Emater, em Ronda Alta o volume de chuvas nos três primeiros meses do ano não alcançaram a média esperada para manter a lavoura e criação de animais em bom estado. Em nosso município, um outro fator importante a se destacar é que as pancadas aconteceram de forma isolada, abrangendo algumas regiões, logo, outras não foram beneficiadas.

Na tarde dessa terça-feira, 31 de março, nossa reportagem acompanhou o trabalho dos servidores da Sec. de Obras e Infraestrutura. Nas propriedades do Sr. Antônio Luiz Buffon e Sr. Osvaldo Marcon, ambas na Linha Divisória, o abastecimento é rotineiro, tendo em vista que naquela região, a chuva não tem sido significativa. O caminhão-pipa leva a água a cada dois dias para essas famílias, pois é a unica forma de manter a suinocultura, além da produção leiteira.

Conversamos com o Evandro L. Marcon, filho do Osvaldo. Ele relatou que uma fonte de água natural secou, essa água era utilizada para a suinocultura. Agora, a realidade é outra, estão há mais de 15 dias recorrendo ao caminhão-pipa, que passa três vezes na semana, pelo menos, fazendo o abastecimento.

O caminhão-tanque da Prefeitura Municipal tem capacidade para 6 mil litros e já está há um mês abastecendo famílias de comunidades como: Lª Divisória e Lª Vitória.

Os produtores que estiverem necessitando dos serviços, poderão entrar em contato através do telefone (54) 3364-1333, diretamente com a Sec. de Obras e Infraestrutura.

Reservatórios da Corsan

Em contato com a equipe da Corsan de Ronda Alta, nos informaram que os níveis dos seus reservatórios encontram-se dentro da normalidade, por enquanto.

Assista ao vídeo:

Vídeo: Rádio Navegantes

Comenta aí o que você achou dessa matéria...