Toffoli derruba decisão de Marco Aurélio sobre soltura de condenados em segunda instância

Presidente do STF aceitou pedido da procuradora-geral da República, Raquel Dodge

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) derrubou a decisão monocrática do ministro Marco Aurélio Mello, no início da noite desta quarta-feira. Ele aceitou recurso da procuradora-geral da República, Raquel Dodge. O ex-presidente Lula poderia ser um dos beneficiados pela decisão.

Toffoli alegou que sua determinação, também monocrática, visa “evitar grave lesão à ordem e segurança pública”. Conforme ele, dezenas de milhares de presos após julgamento em segunda instância poderiam ser soltos.

Fonte: Correio do Povo

Comenta aí o que você achou dessa matéria...