Inter começa reconstrução de time pela defesa

Clube anunciou Neris e mira laterais Uendel e Alemão

O Inter teve o terceiro pior ataque do Brasileirão de 2016 (melhor somente que Figueirense e América-MG), e, exatamente por isso, foi rebaixado. Mas é pela defesa que a nova direção colorada começa a remontagem da equipe para 2017. Com exceção de Roberson, todos os outros reforços anunciados — ou quase — pelo clube são do setor defensivo: Neris (zagueiro), Alemão (lateral-direito) e Uendel (lateral-esquerdo). Além deles, o clube também negocia com o zagueiro Klaus, destaque do Juventude no ano passado.

O objetivo é agregar mais alguns reforços, daí também para o meio-campo e o ataque, nos próximos dias, embora os dirigentes registrem que não há um limite para o fechamento do grupo. “Não temos prazo nem trabalhamos com pressa. Temos convicções e identificamos as carências da equipe. Não vamos contratar por pressão, mas por convicção das nossas necessidades”, observa o vice-presidente de futebol, Roberto Melo.

O último a ser confirmado foi Neris, que será apresentado hoje. Com Alemão, destaque do Botafogo em 2016, já há um acerto, mas é preciso aguardar a liberação pelo seu ex-clube. Os direitos pertencem ao Bragantino, mas o Botafogo tem prioridade de compra, embora já tenha revelado que não a exercerá.

A situação de Uendel também está bem encaminhada. O Inter está adquirindo os direitos federativos, que pertencem ao Corinthians. O lateral deve assinar um contrato de três anos.

Copa São Paulo

Os dois gaúchos na Copa São Paulo entram em campo hoje pela terceira fase. Às 16h, em São Paulo, o Inter enfrenta o Ceará. Quem vencer pega nas oitavas de final o ganhador de Corinthians e Coritiba. No mesmo horário, em Diadema, Juventude pega o Água Santa. O classificado enfrentará Juventus ou Fluminense.

 

Fonte: Correio do Povo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *