Falta de acordo para renovação pode acelerar saída de William do Inter

Direção não quer correr risco de perder jogador de graça;

Após tentar sem sucesso a renovação do contrato do lateral-direito William, o Inter pode optar por vender o jogador na atual janela de transferências. O risco é perder o jogador de graça com a aproximação do término do atual vínculo.

William tem contrato com o Inter até abril de 2018, o que significa que o jogador estará livre para assinar pré-contrato com outro clube em outubro deste ano.

A preocupação colorada é que a aproximação do fim do vínculo faça com que times europeus interessados no atleta desistam de sua contratação na janela do meio do ano. Uma venda agora é vista como precaução para evitar um eventual prejuízo.

A situação é parecida com a do goleiro Alisson, que com o contrato acabando foi vendido para a Roma por um valor inferior ao que o Inter considerava satisfatório.

Ainda no final do ano passado, o Palmeiras mostrou interesse na contratação de William. O jogador, no entanto, prefere sair para o futebol europeu. Até agora, o Inter recebeu apenas sondagens de clubes do exterior e espera pela confirmação das propostas para encaminhar a saída do jogador.

 

Fonte: Correio do Povo/Foto: Ricardo Duarte




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *