INSS corta 81,3% dos auxílios-doença analisados no RS

O Rio Grande do Sul tem 90 mil pessoas com menos de 60 anos que se aposentaram por invalidez nos últimos dois anos e que estarão sujeitos a revisão do benefício. O dado é do Secretário-Executivo do Ministério do Desenvolvimento Social, Alberto Beltrame, ao comentar o corte de oito de cada auxílios-doença em pente-fino no Rio Grande do Sul.

Ele destacou que muitas pessoas dadas como incapazes para continuar trabalhando, acabam revertendo o processo ao longo dos anos com tratamento médico.

“Uma pessoa que recebeu aos 40 anos, aos 30 anos, aposentadoria por invalidez pode ter recuperado a capacidade laboral e, inclusive, estar trabalhando. Então não tem sentido mantê-la na aposentadoria por invalidez nessa situação”, disse.
No Brasil, cerca de um 1,1 milhão de pessoas se aposentaram por invalidez com menos de 60 anos nos últimos dois anos e estarão sujeitos a revisão do benefício. No entanto, ainda não há prazo para iniciar essa fiscalização.

Fonte: Rádio Gaúcha




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *