Misto do Inter tenta segurar Santos na Copa do Brasil

Mesmo que a fuga da zona de rebaixamento no Campeonato Brasileiro seja a prioridade absoluta, o Inter segue firme na Copa do Brasil. Na noite desta quarta-feira, uma formação alternativa, mas com bons nomes, como Eduardo Henrique, Seijas e Nico López, enfrenta o Santos, na Vila Belmiro. Será o primeiro jogo de um confronto que vale uma vaga na semifinal do torneio.

Já de olho na partida contra o Figueirense, que será sábado, no Beira-Rio, e começará a definir o destino do Inter no Brasileirão, Celso Roth montou uma equipe com jogadores menos aproveitados. Foi o que mostrou o único treino em preparação para a partida, realizada na manhã dessa terça no CT Parque Gigante.

O zagueiro Rak fará a sua estreia pelo Inter. Ele jogará improvisado na lateral direita. O meio-campo terá Seijas, muito solicitado pela torcida mas preterido por Celso Roth, e, no ataque, o uruguaio Nico López tenta provar que a sua contratação, a mais cara da temporada, foi acertada. Outra novidade é a presença do volante Eduardo Henrique, que jogará ao lado de Fernando Bob na contenção.

Qualquer um deles, se tiver bom rendimento em Santos, pode receber uma oportunidade contra o Figueirense, sábado. Pelo menos, foi o que ficou claro após conversa de Celso Roth com os jogadores. “Não sabemos qual formação vai entrar”, despista Bob, que continua: “Todos os jogadores estão aptos para jogar em qualquer formação. A gente trabalhou bastante com o Roth. Todo mundo está adaptado em qualquer formação. Temos que assimilar para dar nosso melhor em campo”, finaliza.

Copa do Brasil 2016 – quartas de final

Santos

Vanderlei; Victor Ferraz, Luiz Felipe, David Braz e Zeca; Thiago Maia, Renato, Vecchio e Lucas Lima; Copete e Rodrigão. Técnico: Dorival Júnior

Inter

Danilo Fernandes; Rak, Eduardo, Ernando e Artur; Fernando Bob, Fabinho, E. Henrique, Valdívia e Seijas; Nico López. Técnico: Celso Roth

Horário: 19h30min

Local: Vila Belmiro, em Santos

Árbitro: Gilberto Castro Jr. (PE)

Auxiliares: Alessandro A Rocha de Matos (BA) e Fabiano da Silva Ramires (ES)

 

Fonte: Correio do Povo




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *