Diego Forlán ganha ação e Inter terá que pagar R$ 4,7 milhões

Diego Forlán ganhou parcialmente o primeiro round da disputa com o Inter na Justiça do Trabalho. O uruguaio deixou o clube no início de 2014 e no ano seguinte entrou com uma ação para receber valores devidos pelo Colorado. O alvirrubro foi condenado pela 2ª Vara do Trabalho de Porto Alegre a pagar aproximadamente R$ 4.711.666,66. Ambos os lados devem recorrer da decisão, conforme informou o repórter Jeremias Wernek, do site UOL.

Na decisão divulgada no dia 31 de agosto, Forlán não teve atendido o pedido para converter o valor do contrato de reais para euros. Segundo a juíza Adriana Kunrath, a prática é “é prática vedada no país desde a entrada em vigor do Plano Real”. O uruguaio havia pedido o pagamento de R$ 5.911.906,60 devidos a cláusula compensatória e o pagamento de verbas rescisórias trabalhistas.

 Em 2015, Inter e Forlán tentaram um acordo extrajudicial, mas as partes não chegaram a um acordo em relação aos valores e a conversão para moeda europeia. Com isso, a saída foi recorrer a Justiça.

Contratado pelo Inter na metade de 2012, Forlán teve uma passagem de altos e baixos no clube. Seu melhor momento foi no começo de 2013, quando se tornou artilheiro do Gauchão pelo Colorado. Em 55 jogos pelo Colorado, Forlán marcou 22 gols. No dia 22 de janeiro de 2014, o jogador se despediu da torcida. “Foi um período de altos e baixos. Estou indo como melhor da Copa, cheguei assim e estou indo igual. Sempre você pode dar a mais. Mas a verdade é que os números no Inter são os mesmos que tive quando jogava na Europa. Não tenho arrependimentos”, destacou.

thumb-2

 

Fonte: Jornal Correio do Povo




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *